6 de mai de 2013

You give and take away...


         É tão legal quando dá pra escrever sobre uma coisa legal, fera, muito tri que aconteceu no teu dia. Algo que alguém te falou, alguma coisa aconteceu e tu ganhou uma coisa, sei lá. Mas, pra mim pelo menos, é muito mais difícil escrever quando tu perde a carteira.
Pois é... Hoje de manhã, saindo da faculdade, ou perdi a carteira quando tirava os óculos de sol da mochila ou alguém abriu a mochila e pegou a carteira sem eu perceber. De qualquer jeito, se foram documentos, dinheiro, cartões, carteirinhas, tickets do Japesca etc. Primeiro fiquei com muita raiva, de mim e do talvez ladrão. Por eu não ter percebido que a carteira tinha caído ou que alguém tinha me roubado. Depois comecei a ficar indignado com Deus, por ele ter deixado isso acontecer.

          Mas aí Deus me lembrou da história de Jó, de um texto que tinha lido fazia poucos dias, no Grupo Pequeno. Jó era um cara justo (Jó 1:1), temia a Deus, fazia tudo certinho. Jó era mega rico, tinha vários filhos, várias propriedades, bois, ovelhas etc etc etc (Jó 1:2-5). Então um dia Deus deixou que o diabo bagunçasse a vida de Jó, pra mostrar como Jó servia a Deus de coração e com sinceridade, não pelo que Deus dava a ele (Jó 1:8-12), e o diabo veio e foi tirando tudo isso dele. Matou os filhos numa tragédia, fez o gado ser roubado, queimado, enfim, Jó perdeu praticamente tudo, só não perdeu a própria vida e nem a esposa (Jó 1:13-19).
Maaaas, mesmo tudo isso dando errado, Jó para e diz:
Saí nu do ventre da minha mãe, e nu partirei. O Senhor o deu, o Senhor o levou; louvado seja o nome do Senhor (Jó 1:21)

          Aí eu percebi Deus me falando bem claro: "Quando tu ganha/acontece alguma coisa boa, fácil agradecer, não?" Bah, pra mim foi um tapa na cara. Realmente, agradeço a Deus (algumas vezes ainda por cima não agradeço, ponho o crédito em mim mesmo) quando acontece alguma coisa fera, legal, empolgante. Mas quando as coisas dão errado, to aprendendo a parar e lembrar que foi Deus quem me deu tudo que eu tenho, logo, ele deu, ele tem o direito de tirar, por isso vou louvar o nome do Senhor, aconteça o que acontecer.

          Na história de Jó, depois que tu passa e tals, ele recebe tudo de volta e até mais (Jó 42:10-17), mas Jó não sabia disso quando ele escolheu ser fiel, e agradecer e louvar a Deus. Da mesma maneira, eu até tenho ideia do que Deus quis falar comigo através dessa perda (o tema desse post é uma das coisas), mas não sei se vou ganhar de volta a carteira, os documentos, o dinheiro ou seja lá o que for. De qualquer jeito, eu escolho dizer:
Tudo que eu tenho vem do Senhor; Ele me deu, e Ele tirou; louvado seja o nome do Senhor.

0 comentários:

Postar um comentário